Colosso do Tapajós, a casa do futebol Santareno

A história e a necessidade de conclusão das obras do palco futebolístico do Oeste do Pará

Barbalhão do Alto (Foto:Preprodução/g1.globo.com/santarem)
Por: Ramón Cordeiro (PA)

O Estádio Municipal Jader Fontenelle Barbalho, fundado em 11 de Março de 1987, é uma praça esportiva localizada no município de Santarém, no Oeste do Pará. A construção também é conhecida como Colosso do Tapajós. O primeiro jogo disputado no local foi o famoso clássico local RAIxFRAN (São Raimundo x São Francisco) que terminou com o placar de 1 a 1. O estádio já suportou 12 mil espectadores e atualmente, por segurança, o Corpo de Bombeiros liberou a capacidade somente para 5 mil torcedores.

 

Projeto do Barbalhão (Foto:Reprodução/globoesporte.com)
Projeto de ampliação do Barbalhão (Foto:Reprodução/globoesporte.com)

No ano de 2013, foi iniciada uma reforma e ampliação da capacidade para 25 mil pessoas. Inicialmente, a reforma duraria dois anos e incluiria também melhoria do gramado, construção de lanchonetes e outros serviços. Orçada em 18 milhões, o valor da obra atualmente está em torno de 22 milhões, e o empreendimento já foi parado inúmeras vezes. Na última delas, o consórcio responsável por concluir o projeto informou que não será possível terminar a tarefa. Quatro anos depois, a única entrega realizada foi a melhora do gramado, que hoje obedece os padrões FIFA.

O Colosso foi palco das principais conquistas do futebol Santareno. A primeira delas foi o título de campeão da taça Estado do Pará pelo São Raimundo, além do  Brasileiro da série D, também do Pantera, em 2009. Essa foi a primeira edição da competição e o caneco ficou no Oeste Paraense.

 

Pantera levantando o caneco do Brasileirão Série D (Foto:Reprodução/globoesporte.com)
Pantera levantando o caneco do Brasileirão Série D (Foto:Reprodução/globoesporte.com)

Em 2016 o São Francisco venceu o segundo turno do campeonato Paraense no estádio, garantindo a vaga para a final do campeonato.

São Francisco campeão do segundo turno do Estadual (Foto:Reprodução/globoesporte.com)
São Francisco campeão do segundo turno do Estadual (Foto:Reprodução/globoesporte.com)

O estádio também foi palco de vitórias importantes contra times de maior expressão. Como na vitória da Pantera Mocoronga sobre o Botafogo-RJ por 1 a 0, e a também vitória do Alvinegro Santareno sobre o Fortaleza na Copa do Brasil.

Colosso é muito importante para a região, visto que ajuda o desenvolvimento do futebol no local, e é especialmente importante para uma cidade  que está mais de mil quilômetros de distância da capital, e com muitos imigrantes de outras regiões do Brasil. Como existe pouca identificação com os times de Belém, o término da reforma é essencial para o crescimento do futebol na região e para melhorar a qualidade do esporte profissional no interior. Infelizmente com as obras paradas, a apaixonada torcida do Oeste do Pará não pode usufruir completamente de um estádio que representa seu amor pelo futebol.

 

Fonte: Globo EsporteGlobo EsporteGlobo EsporteG1.

1 Comentário em Colosso do Tapajós, a casa do futebol Santareno

  1. Tive a oportunidade de conhecer esse belo estádio durante uma viagem de trabalho a Santarém em 2012. Creio que o motivo da paralisação das obras seja financeiro, então os clubes poderiam se unir para captar recursos e finalizar a obra, tirando esse ônus do poder público. Sem dúvida daria grande impulso ao futebol local, que ainda tem o Tapajós FC.
    E por favor, não deixem que chamem o estádio de “Barbalhão”, ninguém merece. Colosso do Tapajós é lindo demais!

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*