A força dos Eagles

Como a história da Nigeriana nas olimpíadas confirma seu favoritismo

Etebo uma das esperanças da equipe(Foto: Divulgação/indianexpress.com)

Talvez, no início da olímpiada do Rio quase ninguém imaginava os super eagles como um dos favoritos para conquistar medalhas com tantas outras boas opções como: Brasil, Portugal, Alemanha e Argentina.

Brasileiros e Argentinos sempre favoritos na disputa de qualquer torneio de futebol, Portugal com o título da Euro (seleção principal) e a atual campeã do mundo Alemanha disputando o torneio torna realmente difícil olhar para a Nigéria, a princípio. Entretanto existem bons motivos para ver os africanos não como azarões nesta fase final das olimpíadas,mas como favoritos.

Histórico Olimpíadas

Atlanta 1996

Quem não lembra da dolorosa olímpiada de Atlanta em 1996 ? Brasileiros ainda tem pesadelos com Kanu. A seleção de Ronaldo, Bebeto e Rivaldo vencia o jogo por 3 a 1 e tudo parecia definido, até a supreendente reação dos nigerianos que em poucos minutos empataram a partida e levaram o jogo para aquele fatídico gol de ouro e Kanu tratou de acabar com o sonho canarinho mandando um chutaço no canto, sem chances para o goleiro Dida. Naquele  ano eles foram campeões olímpicos vencendo a argentina na final.

nigeria_atlanta

Pequim 2008

Eagles recebendo a Prata (Foto: Divulgação/Estadão)
Eagles recebendo a Prata (Foto: Divulgação/Estadão)

Apesar do menor favoritismo, tendo Holanda no grupo, os super eagles classificaram-se em primeiro na primeira fase. Na fase seguinte despacharam Costa do Marfim nas quartas e Bélgica nas semi. Perdendo apenas para a poderosa Argentina de Lionel Messi na Final, entalada com os africanos desde atlanta quando perderam o ouro.

Superação

Desde 2010, a Federação Nigériana e consequetemente o futebol do país vem passando por uma grave crise política e econômica. Após a copa deste ano, o Presidente do País resolveu intervir na modalidade devido o fiasco no torneio daquele ano e ameaçou retirar a seleção da copa das nações africanas com a justificativa de reestruturação da entidade reguladora do futebol local.

Entretanto, com a intervenção da Fifa muuitos dirigentes foram despedidos e os Eagles acabaram participando do torneio continental.

A crise no futebol nigeriano arrastou-se todos esses anos e a seleção estava ameaçada de participar da olimpíada do Rio, vieram de ultima hora graças a recursos arrecadas de última hora, inclusive por doação de jogador (confira o post de Lucas Bastos).

A Super Águia sempre mostrou superar as dificuldades em Olimpíadas, por mais que o jogo das semi seja contra a poderosa Alemanha, tratando-se de Nigéria tudo é possível.

Texto: Ramón Cordeiro

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*