Givanildo – O time, a lenda e a injustiça

Como uma demissão pode explicar o comportamento dos times brasileiros? Mais uma vez, um técnico é injustamente mandado para o olho da rua.

O Brasil recebeu nessa sexta-feira, 03/06, a informação da demissão do treinador do Americano, Givanildo Oliveira. A demissão ocorreu após a derrota sofrida em casa para a Ponte Preta e devido ao mau começo de campeonato brasileiro.

Os fatos no América todo mundo viu: teve um começo ruim no campeonato Mineiro, mas após pressão da torcida e a contratação de reforços como Borges, a equipe cresceu na reta final e buscou o caneco sobre o Atlético-MG em pleno Mineirão.

Troféu Globo Minas: Givanildo Oliveira é escolhido melhor técnico do Mineiro
Troféu Globo Minas: Givanildo Oliveira é escolhido melhor técnico do Mineiro

Nada disso foi suficiente para manter o carismático e ótimo treinador, que por sinal sempre foi injustiçado pelos grandes brasileiros. Falta grife e falar complicado, além da corriqueira calma na beirada do gramado que simboliza controle e não fraqueza, como pensam alguns.

Givanildo chegou ao América em 2015, quando a equipe ia mal na Série B e ninguém acreditava ou pensava em subir pra Série A. O técnico mexeu onde devia, deu alma ao time, convenceu a torcida a voltar aos jogos no Horto e conquistou o acesso. De novo ele, sempre ele. O Pernambucano mais mineiro.

O Coelho, confrades, sempre foi um clube controlado, uma empresa que visa lucro, que formou Gilberto Silva, Wagner, Fred, Danilo e há pouco o jovem Richarlison. Com pouco investimento e sem respeito a história, o velho Giva, terceiro técnico a comandar mais vezes o time mineiro, é mandado embora. Resta agora aguardar a próxima vez em que o time esteja mal na Série B para recorrer ao treinador Pernambucano, que é o Rei dos Acessos.

O povo te respeita e te adora, sentiremos falta das suas Cenas Lamentáveis e Que Deus perdoe esses dirigentes ruins.

Força Givanildo!

Texto: Daniel Bravo.

1 Comentário em Givanildo – O time, a lenda e a injustiça

  1. seria o cara para arrumar o cruzeiro, grande conhecedor do futebol !!!, não atende aos midiáticos cartolas, por ser discreto e calmo (estas qualidades adquiriu com o longo tempo no futebol ) azar do américa….ano que vem com a maior cara de pau deverão chama-lo novamente para os primeiros socorros….

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*