JMA 1×1 NVH – JMalucelli segura empate e elimina o Novo Hamburgo

Em jogo movimentado, o JMalucelli garante primeiro lugar no Grupo A15. Já o Novo Hamburgo se despede da Série D.

JMalucelli se garante em primeiro lugar no grupo e pegará o Espírito Santo na próxima fase (Foto: Reprodução/Site Do Rico Ao Pobre)

Em jogo válido pela última rodada do grupo A15 da Série D, JMalucelli e Novo Hamburgo vinham com expectativas diferentes para a partida. O Jotinha já estava garantido na segunda fase, mas ainda precisava assegurar o primeiro lugar do grupo. Já o Noia lutava contra o Brusque pela segunda vaga do grupo e, dependendo do saldo de gols, poderia até beliscar a liderança da chave.

E com essas expectativas em jogo, a partida começou na gelada Curitiba para poucos e corajosos espectadores. O início de jogo foi equilibrado, porém sem grandes investidas de ambas as equipes. Era nítido que ninguém queria tomar um gol logo cedo. Por isso ninguém se arriscou muito no começo.

A primeira finalização do Novo Hamburgo só saiu aos 26 minutos com lateral Jonathan, que bateu para a defesa do goleiro Fabrício. Porém a próxima finalização seria o gol. Em cruzamento de Diego Viana, Fabrício ficou indeciso e acabou deixando a bola para o atacante Saldanha cabecear e abrir o placar.

O gol acordou a equipe curitibana que começou a usar mais o seu principal armador, Eltinho. Ele mesmo arriscou de fora da área e obrigou o goleiro Matheus a trabalhar. Aos 42 minutos, um lance polêmico. Na cobrança de escanteio a bola é desviada pelo zagueiro Júlio César e acabou sobrando para Saldanha empurrar para o gol. O assistente anula pois entendeu que o atacante do Noia estava em posição irregular. Reclamação do banco do Novo Hamburgo que ficaria ainda pior depois do que aconteceria.

Em jogada pela lateral, Diego Prates driblou Celsinho, entrou na área e tocou para Santiago que sozinho com o goleiro empatou a partida, 1 a 1 no finalzinho do primeiro tempo. O gol desestabilizou a equipe do Vale dos Sinos que quase tomou a virada num chute de Santiago.

O segundo tempo começou movimentado. Aliás, muito movimentado. Foram diversos lances de perigo de ambas as equipes. Primeiro, num cruzamento de Zé Lucas, Eltinho chutou para a defesa de Matheus. Na sequência, Saldanha subiu para cabecear a bola e marcou o que seria o segundo gol do Noia. Porém foi marcado outro impedimento. Dessa vez o banco do Novo Hamburgo ficou irritadíssimo com a arbitragem. Logo depois, Eltinho cobrou falta venenosa e o zagueiro Valdomiro cabeceou na trave. Já no lance seguinte, Saldanha cruzou a bola que passou por Diego Vianna e sobrou para o lateral Celsinho soltar a bomba na grande área e parar na grande defesa de Fabrício.

Nessa sequência, o Jotinha teve três chances de matar o jogo na sequência. Primeiro Robinho recebeu na grande área sozinho, demorou para bater e quando fez acabou prensando com o zagueiro. Logo depois, foi a Jenison receber grande passe de Eltinho, sair na cara de Matheus e bater em cima do goleiro, no rebote Celsinho chutou para escanteio. Na cobrança de escanteio, Mateus salvou uma bola em cima da linha, no rebote Robinho cruzou para Santiago que chutou por cima do gol.

Tudo isso aconteceu em apenas 15 minutos. O Novo Hamburgo sabia que o Brusque estava ganhando e com isso eliminado os gaúchos da Série D. A partir de então, o Anilado iniciou um abafa em busca do gol da classificação. Porém, sempre parou na boa defesa do Jotinha, que acabou aos poucos cansando as investidas do Noia. Após os 40 minutos, apenas balões ineficientes para a área do JMalucelli. E no final, o placar deixou um gosto amargo para o pequena torcida do Noia presente no Janguito Malucelli.

Com o resultado, o JMalucelli se classifica em primeiro e enfrentará o Espírito Santo na próxima fase. Já para o Novo Hamburgo, o ano acaba.

 

FICHA TÉCNICA
JMALUCELLI 1×1 NOVO HAMBURGO

Local: Janguito Malucelli, em Curitiba (PR)
Data: 17 de julho de 2016
Horário: 18h (Horário de Brasília)
Árbitro: Thiago de Alencar Gonzaga (MS)
Auxiliares: Sérgio Alexandre da Silva (MS) e Marcos dos Santos Brito (MS)
Cartões Amarelos: Eltinho e Robinho (JMalucelli)/Jardel (Novo Hamburgo)
Gols: Santiago (44/1º Tempo) – JMalucelli/Saldanha (29/1º Tempo) – Novo Hamburgo

JMalucelli: Fabrício; Cristóvam, Alex Fraga, Valdomiro e Diego Prates; Wellington (Zé Lucas), Carlos Jatobá, Robinho (Paulo Vítor) e Eltinho; Glaybson (Jenison) e Santiago.
Técnico: Luciano Gusso.

Novo Hamburgo: Matheus; Celsinho, Júlio Santos, Vladimir e Jonathan (Brida); Danilo Goiano, Preto, Jardel e Ramon (Mauro); Saldanha e Diego Viana.
Técnico: Ben Hur Pereira.

Texto: Diego Giandomenico

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*