MOT 4×0 SAN – Moto Club vence Santos-AP com tranquilidade e avança na Série D

(Foto: João Ricardo)

Nesse domingo (17), o Moto Club recebeu o já eliminado Santos-AP com a missão de vencer seu jogo e se classificar para a próxima fase do Campeonato Brasileiro da Série D sem depender do outro resultado do grupo.

No primeiro tempo, como de costume, a equipe maranhense começou o jogo pressionando a equipe visitante e logo aos 5 minutos de jogo. Felipe Dias abriu o placar e já animava a fanática torcida. O Santos, que entrou com parte do elenco reserva, não conseguia mostrar algum tipo de perigo a defesa motense. O Moto continuou ditando o jogo e, aos 19 minutos, o meia Marco Goiano marcou seu primeiro gol desde a sua chegada a equipe maranhense, dando ainda mais esperanças ao torcedor.

A vitória construída nos primeiros 20 minutos de jogo já garantiam o Papão do Norte na próxima fase da competição mas era necessária uma boa atuação e um bom resultado para animar sua torcida que compareceu em bom número no Castelão. O Santos seguiu sem levar muito perigo a meta rubro-negra até o fim do primeiro tempo.

No segundo tempo a fórmula se repetiu: o Moto continuou mantendo o ritmo de jogo e encurralando o alvinegro em seu campo de defesa, até que aos 9 minutos o atacante Cris marcou o terceiro gol para o time da casa, após arriscar de fora da área. Sem muitas pretensões na competição, coube ao Santos-AP apenas tentar evitar uma goleada, algo que não foi possível pois aos 20 minutos o atacante Muller marcou de cabeça e decretou a goleada. Com o placar bem estruturado, o Moto apenas administrou o resultado até o fim da partida.

Com o resultado, o Moto garantiu sua classificação em segundo lugar no grupo A4, já que o Águia de Marabá venceu o Tocantinópolis por 2 a 0.

 

FICHA TÉCNICA
MOTO CLUB 4×0 SANTOS-AP

Local: Estádio Governador João Castelo (Castelão), em São Luís (MA)
Data: 17/07/16 (Domingo)
Árbitro: Avelar Rodrigues da Silva (CE)
Assistentes: Marcione da Silva Ribeiro (CE) e Renan Aguiar (CE)
Gols: Felipe Dias (MOT), aos 5’ 1T; Marco Goiano (MOT) aos 16’ 1T; Cris (MOT) 9′ 2T; Muller (MOT) 20′ 2T.

MOTO CLUB: 1 – Márcio Arantes; 2 – Luis Fernando, 3 – Fred e 4 – Wanderson; 5 – Felipe Dias, 6 – Chico Bala, 7 – Diego Renan, 8 – Kléo e 10 – Marco Goiano; 10 – Gabriel e 9 – Muller.
Téc.: Ruy Scarpino.

SANTOS-AP: 1 – Zé Maria; 2 -Darlan, 3 – Renan, 4 – Oziel e 6 – Jefferson; 5 – Lucas Batista, 7 – Lessandro, 8 – Denilson e 10 – Armando Maranhão; 9 – Rafinha e 13 – Caio.
Téc.: Romarinho

 

Texto: Pedro Henrique Pereira (@PHPC97)

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*