O incendiário Kléber Pereira

O artilheiro teve passagens marcantes por Atlético-PR e Santos

Kleber Pereira, um dos maiores jogadores maranhenses (Foto: Divulgação/Moto Club)
Por Pedro Pereira, MA

O Brasil sempre produziu bons jogadores das mais diversas posições, em diferentes regiões e estados. Assim, somos capazes de encontrar excelentes jogadores em estados que não possuem um campeonato tão competitivo. Em meados dos anos 90 começava a carreira de um dos melhores atacantes que já disputaram o Campeonato Brasileiro: Kléber Pereira, conhecido como K9.

Sua carreira começou em 1996 após ser descoberto no Cruzeiro do Anil, um time amador do bairro do Anil em São Luís do Maranhão. Os dirigentes do Moto Club contrataram Kléber, que fez sua estreia no mesmo ano. Com um grande faro de gol, foi levado para a Suíça, onde jogou pelo Sion. Após uma temporada na Europa, o atacante retornou ao Moto Club em 1998, onde foi artilheiro da Série C com 25 gols.

Dupla de artilheiros formada por Kleber Pereira e Alex Mineiro (FOTO/REPRODUÇÃO: FURACAO.COM)
Dupla de artilheiros formada por Kléber Pereira e Alex Mineiro (Foto: Reprodução/FURACAO.COM)

O então destaque maranhense despertou o interesse do Atlético Paranaense, que o contratou em 1999. Começava ali sua crescente no futebol brasileiro.

Logo no primeiro ano no rubro-negro paranaense, o atacante marcou 18 gols e mostrou que realmente possuía faro para gol. Nos anos seguintes, Kléber firmou seu nome no Furacão com grandes conquistas coletivas e individuais, como o tricampeonato paranaense de 2000 a 2002, o Campeonato Brasileiro de 2001 e a classificação para a Libertadores. Individualmente, Kléber foi artilheiro do Brasileiro ao lado de Alex Mineiro com 17 gols. O feito da dupla rendeu o apelido a Kléber de “incendiário”.

No ano seguinte, o K9 se aventurou no futebol mexicano após ser vendido para o América. Por lá, ainda jogou por mais três equipes: Necaxa, Tigres e Veracruz. Em sua passagem pela America Central, faturou o Campeonato Mexicano de 2005 e a Copa dos Campeões da CONCACAF de 2006.

Kleber Pereira teve uma marcante passagem pelo Santos (Foto/Reprodução: https://alchetron.com/Kleber-Pereira-680667-W)
Kléber Pereira teve uma marcante passagem pelo Santos (Foto: Reprodução/Alchetron)

Em seu retorno ao Brasil, o goleador acertou sua ida para o Santos em 2007 e ficaria no clube até 2009. Pelo Peixe, Kléber teve uma de suas melhores fases, com uma boa regularidade gols, muitos deles importantes e sempre fazendo bons jogos. Pelo alvinegro praiano, foi bicampeão paulista e artilheiro do Campeonato Brasileiro de 2008.

Após passagens sem muito brilho por Internacional e Vitória, o Incendiário decidiu voltar para o Moto Club e jogar de graça pelo time que o formou. Em seu retorno, foi artilheiro do campeonato Maranhense e campeão da segunda divisão estadual, e, após 2 anos desde sua volta, decidiu se aposentar em 2013. Segundo o pesquisador maranhense Hugo Saraiva, autor de ‘Memória Rubro-Negra.

De Moto Club a eterno Papão do Norte’, Kleber Pereira possui 420 gols marcados ao longo de sua carreira. Além das marcas e dos títulos, seu amor declarado pelo Maranhão e principalmente pelo Moto Club o colocam como um dos maiores jogadores do estado.

Fontes: Que fim Levou, Globo Esporte MA, Futebol Maranhense Antigo.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*