Pagamos El Patón: São Paulo oficializa saída de Bauza

Técnico deixa o comando da equipe paulista para assumir a seleção argentina

São Paulo perde Bauza. Segundo treinador a deixar o time por uma seleção em dois anos (Foto: Eduardo Knapp / Folhapress)
São Paulo perde Bauza. Segundo treinador a deixar o time por uma seleção em dois anos (Foto: Eduardo Knapp / Folhapress)

Edgardo Bauza foi anunciado como novo técnico da seleção de futebol argentina. Patón, de 58 anos, era treinador do São Paulo e foi escolhido por Armando Perez, presidente da comissão padrão, para substituir Gerardo Martino no comando da Albiceleste.

Bauza deixa o São Paulo após 48 jogos, com a seguinte campanha: 18 vitórias, 13 empates e 17 derrotas, fechando com o aproveitamento de 46,5%. O, agora, ex-técnico são-paulino tinha contrato com o tricolor até 31 de dezembro e deixou o comando da equipe para realizar o seu sonho.

É a segunda vez em dois anos que o São Paulo perde um treinador para uma seleção. O primeiro foi Juan Carlos Osório, que deixou a equipe para aceitar o convite da seleção do México.

Edgardo Bauza tem dois títulos de Libertadores na carreira: pelo San Lorenzo e pela LDU (Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)
Edgardo Bauza tem dois títulos de Libertadores na carreira: pelo San Lorenzo e pela LDU (Foto: Djalma Vassão/Gazeta Press)

Patón iniciou sua carreira como treinador em 1998, no Rosário Central, clube no qual também foi jogador. Em seguida, passou por Vélez Sársfield, Colón (duas vezes), Sporting Cristal, LDU de Quito (também duas vezes), Al-Nassr,  San Lorenzo e, por último, o São Paulo. Como treinador, conquistou duas Libertadores: com a LDU em 2008 e com San Lorenzo em 2014. Também levou a Recopa Sul-Americana em 2010, com a LDU, e duas vezes o Campeonato Equatoriano com a mesma equipe. Já com o Sporting Cristal, o técnico venceu o Torneio Apertura do Campeonato Peruano.

 

Texto: Jean Costa (@_ojean)

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*