PCR 0 x 0 Pay – Com um jogador a menos, Paysandu segura o empate

Papão perdeu Augusto Recife após o volante receber o 2º amarelo

Lombardi segurando o adversário do Paraná (Foto: Reprodução/Twitter/Espn)
Lombardi segurando o adversário do Paraná (Foto: Reprodução/Twitter/Espn)

Paraná e Paysandu realizaram a partida pela 16a rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, na Vila Capanema. Antes da partida choveu bastante em Curitiba e o gramado ficou encharcado, especialmente no primeiro tempo. Mesmo jogando com um a menos, o Paysandu segura o empate.

O papão começou a partida diferente. Retornou para o esquema com 3 volantes (Ricardo Capanema, Augusto Recife e Jonnathan) e o recém contratado Tiago Luis, ex- Santos, ganhou a vaga de Rafael Costa. Outra alteração foi a entrada de Alexandro, que ganhou a disputa contra Leandro Cearense e Betinho.

As equipes fizeram a primeira etapa com muita movimentação e várias oportunidades. O jogo estava aberto e ambos os times tiveram a chance de abrir o placar. O Paysandu esteve melhor que os donos da casa nos primeiros minutos de jogo, e teve a melhor chance com Mailson. À medida que a bola rolava, o Paraná Clube equilibrou o jogo e passou a atacar com mais frequência pelo lado esquerdo, com o lateral Rafael Carioca. Ele avançava contra o bicolor Édson Ratinho e criou muitas oportunidades para o tricolor da vila. Entretanto, mesmo com boa movimentação e jogo aberto, as equipes foram para o intervalo com o placar zerado.

No segundo tempo, o tricolor voltou melhor. Passou a ter mais posse de bola e comandar as ações de meio campo, enquanto  a equipe alviceleste buscava roubadas de bola no meio para encaixar os contra-ataques. A situação ficou difícil para os visitantes. O volante Augusto Recife cometeu uma falta infantil e recebeu o segundo amarelo. Por conta da perda, o técnico Gilmar dal Pozzo, substituiu o atacante Alexandro pelo meia Rafael Costa. Poucos minutos depois, o outro volante, Ricardo Capanema, foi substituído, após uma lesão. No lugar dele, Domingos.

Passados os 30 minutos de jogo, o técnico bicolor fez a sua última alteração, substituindo o meia Tiago Luis pelo zagueiro Guaberto. A partir dali, o Tricolor da Vila passou a pressionar o papão que garantiu o empate graças às defesas fenomenais de Émerson. O goleiro está há mais de 900 minutos sem tomar gol. Por este feito, Émerson agora figura entre os 20 goleiros que mais passaram tempo sem tomar gol em todo o mundo.

Com este resultado, os paranaenses estão temporariamente na quinta posição, com 25 pontos. Já os nortistas estão, também temporariamente, na 13ª colocação, com 20 pontos.

FICHA TÉCNICA

PARANÁ 0x0 PAYSANDU

Paraná: Marcos; Diego Tavares, Alisson, Leandro Silva e Rafael Carioca; Basso, Murilo, Nadson (Robert) e Válber (Henrique); Robson e Lúcio Flávio.
Técnico: Marcelo Martelotte

Paysandu: Emerson; Edson Ratinho, Fernando Lombardi, Gilvan e Lucas; Augusto Recife, Jhonnatan, Ricardo Capanema (Domingues) e Tiago Luís (Gualberto); Mailson e Alexandro (Rafael Costa).
Técnico: Gilmar dal Pozzo

Árbitro: Luiz César de Oliveira Magalhães (CE)
Cartões amarelos: Lúcio Flávio, Nadson (PRC); Augusto Recife, Mailson, Gilvan, Lucas (PAY)
Cartão vermelho: Augusto Recife
Renda: R$ 42.865,00

Público pagante: 2.303
Público total: 3.148

Local: Durival Britto (Vila Capanema)

Texto: Ramón Cordeiro (@Ramon_cord)

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*