Onde está o craque? Tupãzinho, o talismã da Fiel

Tupãzinho chega antes de Zetti e marca o gol do título brasileiro de 1990 (Foto:www.vinocoruja.com.br)

No inicio da década de 1990 o Corinthians conquistou seus dois primeiros títulos nacionais, o Campeonato Brasileiro de 1990 e a Copa do Brasil de 1995. Em ambas as conquistas Tupãzinho estava lá, sendo que 1990 foi decisivo, selando a campanha do desacreditado Corinthians liderado por Neto e Ronaldo.

Pedro Francisco Garcia nasceu em Bagé-SP em 7 de julho de 1968. O apelido Tupãzinho veio por morar na infância e juventude na cidade de Tupã-SP. Começou sua carreira em 1987 no São bento de Sorocaba, onde ficou até 1989. Transferiu-se para o Corinthians, juntamento com o zagueiro Guinei, em 1990, ficando no clube até 1996.

Não era titular absoluto da equipe, mas sempre entrava durante as partidas. Era um jogador veloz que se movimentava muito, sofrendo faltas para Neto bater ou marcando seus gols no fim das partidas,  ganhando assim seu apelido de talismã.

Foi titular nas duas partidas finais do brasileirão de 1990. Em 16 de dezembro, foi disputada a segunda partida das finais no estádio do Morumbi. E aos 8 minutos do segundo tempo, após fazer bela jogada pela direita, Tupãzinho tocou para Fabinho chutar, mas  a bola na zaga e sobrou para o talismã, de carrinho, empurrar a bola e marcar o único gol daquela partida, dando ao Corinthians seu primeiro título brasileiro. Marcou 12 gols na campanha do título paulista de 1995 em cima do Palmeiras. Esse título tenha muita importância na história, pois o Corinthians impediu o tri-campeonato do rival.

No Paulistão de 1996, no dia 11 de fevereiro, na Vila Belmiro, Tupãzinho iniciou a jogada que terminou no mais belo gol da carreira de Marcelinho carioca, gol este que mereceu até uma placa do rei Pelé. Fez 52 gols em 340 partidas pelo clube da capital paulista. Ficou no Corinthians até esse mesmo ano, quando se transferiu para o Fluminense. Saiu do clube carioca no ano seguinte e foi para o América-MG onde foi campeão brasileiro da série B em 1997, sendo artilheiro do torneio com 13 gols. Depois de sair do América passou por vários clubes até encerrar a carreia do Real Itumbiara-GO em 2004.

Tentou a carreira de treinador, passando por Tupã(2011), Assisense(2014), Grêmio Prudente e VOCEM(2016). Nas eleições municipais de 2012 foi eleito vereador pelo PSB na cidade de Tupã, cargo que ocupa atualmente.



Texto: Marco Aurélio

 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*